RESUMÃO HISTÓRICO SOBRE O DIA DA EUROPA

Saudações intercambistas!

Hoje dia 9 de Maio é Dia da Europa! Representantes da União Europeia e algumas de suas delegações, abrem as portas nesse dia para o público durante a realização de diversas atividades. A data em questão, assinala o aniversário da histórica Declaração de Schuman, onde o ministro francês Robert Schuman expôs a visão de uma nova forma de cooperação política que tornaria impensável a eclosão de uma guerra entre países europeus.

A Europa se estende por três hemisférios: ocidental, setentrional e oriental. As comunidades que viviam no continente no passado, colonizaram quase todo o mundo… Américas, Ásia, África e em decorrência de toda essa expansão, foram apelidados de o “centro do mundo”. Apesar de ser composta por mais de 40 países, se a Europa não contasse com a a Rússia nesse time, o continente seria menor que o Brasil.

Os países que compõe a Europa são: Alemanha, Luxemburgo, Áustria, Belarus, República Tcheca, Eslováquia, Romênia, Sérvia, Montenegro, Eslovênia, Macedônia, Espanha, Andorra, Itália, San Marino, Islândia, Dinamarca, Finlândia, Irlanda, Bélgica, Malta, Suíça, Rússia, Polônia, Ucrânia, Hungria, Moldávia, Croácia, Bósnia-Herzegovina, Bulgária, Albânia, Portugal, Liechtenstein, Grécia, Turquia, Noruega, Suécia, Armênia, Estônia, França, Países Baixos, Letônia, Lituânia e conta também – mas por pouco tempo – com o Reino Unido, que no final de 2016 decidiu que deixaria UE (o que acontecerá oficialmente em 31 de Dezembro de 2020) com isso, abrindo mão de uma série de tratados (inclusive a adoção do passaporte Europeu).

Os índices de qualidade de vida da população europeia estão entre os mais altos do mundo, com baixa criminalidade, analfabetismo próximo a zero e altíssima expectativa de vida. No ranking de IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) Global de 2014 a Europa destacava 7 de seus países entre os 10 mais bem posicionados. A Noruega por exemplo, é o primeiro deles com uma economia extremamente próspera; o país é um grande produtor de petróleo e gás natural, elencando pelo menos 50% das exportações. Outro país de destaque – não entre os 10 primeiros – é Luxemburgo, que ostenta uma renda percapta anual superior a 43 mil de dólares por ano.

O nome do continente nasceu da Mitologia Grega, onde uma moça chamada Europa, de tão bela que era, fazia o deus dos deus (Zeus) ficar de queixo caído. Sua beleza era tamanha, que Zeus a raptou mas… teve que disfarçá-la de touro para que sua mulher não descobrisse. Se liga na pintura do artista Noël-Nicolas Coypel sobre ela.

Em toda sua história, o continente foi marcado por inúmeras guerras, muitas as claras – e algumas as escuras. Dentre as mais de 50 guerras catalogadas envolvendo países da Europa, a que mais se destacou foi a Segunda Guerra Mundial, marcada como o conflito mais letal da história, deixando aproximadamente 70 milhões de vítimas. Seu desfecho se deu com a dissolução do Terceiro Reich, do Império do Japão, do Império Italiano, com a criação da ONU (Organização das Nações Unidas) e do estabelecimento dos Estados Unidos e da União Soviética como superpotências que desencadeariam a Guerra Fria.

No vídeo abaixo, você pode conferir algumas cenas reais da Segunda Guerra Mundial:

Voltando na Guerra Fria. Essa é uma longa história… que por sua vez deu início ao conflito ideológico que mais marcou o mundo com o contraste entre o comunismo e o capitalismo. Mas, sobre esse conflito, vamos indicar um vídeozinho SUPER BACANA do Canal Nostalgia. Saca só:

Demais não é? Mas, esse nosso texto é apenas uma pequena parcela da grandiosidade histórica, social e econômica da Europa. Estudar em um dos países desse continente, além de render uma experiência de extrema significância para o seu currículo, vai te proporcionar momentos únicos, inesquecíveis e repleto de referências históricas.

Agora vem aqui… Já pensou conhecer tudo isso de pertinho com a ETC? Acesse esse link aqui -> https://bit.ly/2IuNNld e descubra todas as possibilidades com a gente (não esquece de ir para a sessão Europa ein, rs).