Japão

A terra do sol nascente. Esse é o poético significado do nome Japão. Numa visita às suas diversas atrações, o turista verá que o brilho do astro rei invade primeiro essas terras para deixá-las repletas de luz e calor humano.

Ao contrário do turismo histórico de muitos países, que conta em sua maioria com ruínas de um passado glorioso, no Japão a história milenar do seu povo está muito bem conservada. Santuários e templos que têm entre 1.000 e 2.000 anos de existência permanecem intactos e em constante uso.

Fonte de tradições culturais e estilo de vida, esses prédios singulares viram nascer a mais alta tecnologia do planeta. Hokkaido, Honshu, Shikoku e Kyushu são as principais ilhas do arquipélago japonês. No total, mais de três mil formam o país. Situado no Pacífico, suas águas internas são propícias para as termas. Várias hospedarias oferecem aos seus visitantes as águas termais. Além desse banho relaxante e revigorante, a saudável culinária japonesa desperta o paladar com sensações estimulantes, própria de pratos baseados em frutos do mar.

Na capital, Tóquio, o visitante não pode perder os sushis do Mercado de Peixes Tsukiji; as lojas sofisticadas e os shoppings tradicionais do Bairro de Ginza; a beleza e a suntuosidade do Templo de Asakusa; as novidades eletrônicas do Bairro de Akihabara; as obras de arte e tecnologia e relíquias arqueológicas do Museu Nacional de Tóquio; e a modernidade futurista de Odayba.

As grandes metrópoles contam com as formas mais procuradas de entretenimento do ocidente aliadas à cultura tradicional japonesa. Artes como o Nô, o Kabuki e o Bunraku, são oferecidas com a mesma empolgação de uma orquestra ou show popular.